Será possível conhecer todo o mundo numa só vida?

sexta-feira, 17 de março de 2017

Saint Patrick´s Day 2011!!

Rememorando um dia especial!!

17/03/2011

Hoje é dia de festa na Irlanda!!

"O Saint Patrick Day  é normalmente comemorado no dia 17 de Março pelos países que falam a língua inglesa, tornou-se um feriado público no ano de 1903. É uma tradição e uma data muito festejada em diversos países, como a Irlanda, Inglaterra e Estados Unidos. As festividades, em homenagem ao santo padroeiro da igreja católica na Irlanda, são marcadas por festas com fortes referências ao país: cor verde, música, comidas, bebidas típicas e há um desfile de Carnaval em todas as cidades da Irlanda. As pessoas se vestem de verde e saiem pelas ruas usando acessórios como o trevo da sorte. Saint Patrick  foi um bispo que espalhou a fé cristã e fundou mais de 300 igrejas na Irlanda. O trevo de 3 folhas, comum na Irlanda, era usado para explicar a Santíssima Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo. Por isso, a cor verde que lembra o trevo representa o Saint Patrick’s Day."


Eu preferi comemorar o feriado em Dublin com meus amigos, mas confesso que nem consegui ver o desfile de tão lotado que estava.


Como é proibido beber na rua, as pessoas se viram como pode, rs.

Andressa, eu e Gaby... que está em todas!!

 Após o desfile... rumo ao Temple Bar!!


Eu e Miguel!!


Com a bandeirinha da Irlanda pintada no rosto, juro que não traí a minha pátria hein... ainda amo meu querido país, rs. Mas depois ficamos sabendo que a bandeira da Irlanda é invertida, ou seja, ainda pintei a bandeira errada, rs.

Eu e Robson!!

Eu, Gaby e Rodrigo´s!!


É muito verde por aqui... e muitos brasileiros tb!!

Eu e Rodrigo!!

Vista uma peça de roupa verde e procure o PUB mais perto de você, a festa vai se prolongar no final de semana também!!

sábado, 25 de fevereiro de 2017

O encanto de viajar!


"O mundo é muito vasto. E nos acomodamos muito fácil. A gente entra e sai de casa, mas não se dá conta que esse lugar aí na sua frente é algo extraordinário pra tantos outros. Normal. A gente vê isso todo dia, porque seria novidade? Todo dia passo nessa avenida (imensa com alguns dos prédios mais bacanas de São Paulo, além de famosa) e vejo a mesma avenida de sempre. Não é nada demais. Tem essas pessoas aí andando nela e cada uma cuida da vida como eu cuido da minha.
E então vamos à praia e vemos algo diferente. E vamos à uma casa de campo no meio do mato e vemos algo diferente. Parece outro mundo. As coisas são todas novidades, ou mesmo que não sejam, você repara nelas… Elas parecem ter algum encanto que aquela sua avenida e sua cidade não tem.


E você vai pra outro país! Putz!!! Aí sim, parece outro mundo. São E.T.s andando pelas ruas, eles se vestem com jeitos diferentes, tem hábitos diferentes, falam línguas diferentes. A moeda é diferente, os carros são diferentes e os prédios também.
Olhando pelas fotos da internet e pelos vídeos do youtube tudo isso parece surreal. O japão e os terremotos e os tsunamis existem. O Acre existe. Esses lugares estão aí o tempo todo. Nós é que não vemos e parecem uma idéia apenas virtual, apenas um lugar imaginário. Quando viajamos temos a sensação de estar “conhecendo o mundo”. Não há nada que nos faça sentir assim senão uma viagem. Fotos, vídeos, lembranças, souvenirs, o raio que o parta. Não tem nada que te faça o bem que viajar faz.
Vamos viajar porque viajar nos lembra que o resto do mundo existe e que há beleza em todo lugar. Viajamos para deixar um pouco aquela rotina e sair do estado de sonolência que nos deixamos ficar. Quando viajamos colocamos nossa cara pro mundo, aguçamos nossos sentidos e afiamos nossa mente para lidar com qualquer coisa. Deixamos de ser apenas trabalhadores para sermos desbravadores! Temos mais coisas pra fazer, gastamos mais energia fazendo elas, ficamos acordados por mais tempo e ainda assim nos sentimos renovados!"

Fonte: Quero Pensar

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

MY BUCKET LIST!

Essa lista estará sempre se atualizando, a cada dia que passa coisas novas serão adicionadas e riscadas, publico essa lista aqui para que você também faça a sua e veja quanto a vida vale a pena. Já tenho essa lista há algum tempo e resolvi compartilhar com meus queridos leitores. Muito bom poder riscar cada item alcançado!
O que parece ser bobo pra vc, é muito importante pra mim, manter o foco faz o universo conspirar a nosso favor de uma forma impressionante.


Viajar... viajar e viajar é a principal meta da minha vida!
2017 - É o meu ano!!
  1. Ganhar um prêmio 
  2. Concluir a faculdade de Psicologia em 2018
  3. Estudar numa Universidade estrangeira - Estou cursando uma graduação sanduíche na Universidade dos Açores em Portugal
  4. Conseguir ler 1 livro por mês em 2017
  5. Fazer um intercâmbio - Fiz meu primeiro intercâmbio em Portugal em Maio/2008 e o segundo na Irlanda em Set/2010
  6. Fazer outro intercâmbio em 2017 - Estou fazendo intercâmbio em Portugal novamente
  7. Criar um blog - Foi criado em set/2010
  8. Fazer minha primeira tattoo - Fiz em 16/05/2015, mas já estou programando a segunda tattoo
  9. Entrar na academia - Me matriculei na Smart Fit em Março/15
  10. Regrar a alimentação - Estou regrando e me sentindo muito saudável
  11. Perder uns kilinhos - Emagreci 6 kilos em 2015 e estou mantendo
  12. Quero perder mais 3 kilos em 2017 - Morando em Portugal está muito difícil alcançar essa meta :/
  13. Ver neve
  14. Praticar meditação diariamente
  15. Enterrar conflitos passados - Me sinto muito melhor em relação a isso
  16. Aprender andar de patins
  17. Aprender a nadar
  18. Comprar uma moto... ahhh e perder o medo tbm
  19. Praticar algum esporte radical
  20. Fazer aulas de danças
  21. Correr uma maratona
  22. Mergulhar em Fernando de Noronha
  23. Esquiar na neve
  24. Andar a cavalo com confiança
  25. Organizar um piquenique com pessoas queridas
  26. Voar de parapente
  27. Voar em um balão
  28. Fazer Rafting
  29. Plantar uma árvore
  30. Conhecer profundamente a mãe natureza
  31. Dar uma palestra para um grande público
  32. Publicar um livro
  33. Ler mais livros 
  34. Aprender uma nova língua - Fiz intercâmbio na Irlanda para estudar inglês
  35. Curso de Business - Fiz o curso em 2012 na Irlanda
  36. Voltar a estudar inglês - Estudo sempre, mas ainda preciso melhorar muito
  37. Melhorar o inglês
  38. Tirar a certificação em inglês TOEIC - CONCLUÍDO
  39. Trabalhar no segmento Oil&Gas - Trabalhei em 2012/2013
  40. Fazer um curso de Coaching
  41. Terminar a faculdade de Psicologia - Em vias de... Voltei pra faculdade em Julho/2015
  42. Começar um negócio - Meta sendo alcançada em 2015
  43. Atingir o salário dos meus sonhos - Em busca de...
  44. Aprender a tocar um instrumento musical
  45. Superar o medo de dirigir - Em vias de...
  46. Ter um carro - Comprei meu primeiro carro em Novembro/2015 - Renault Twingo
  47. Ter um carro automático - Honda Fit ou UP
  48. Fazer algum tipo de trabalho voluntário - Trabalhei como voluntária selecionadora da Rio 2016 
  49. Cortar meu cabelo na altura dos ombros - Cortei em Dezembro/14
  50. Passar a virada de ano em outro pais - Passei a virada em Paris e Londres em 2010/2011
  51. Viajar para Machu Pichu, Chile e Bolívia
  52. Viajar para Itália, Alemanha, Grécia, Praga, Marrocos, Israel... na verdade para o mundo inteiro
  53. Morar sozinha - Comecei a dividir ape em junho/12 e morei sozinha em Macaé a partir de 06/2013
  54. Ter meu canto - Construí minha casa fofa em 2014
  55. Construir ou comprar a casa/ape dos sonhos... no lugar dos sonhos - Barra da Tijuca RJ
  56. Viajar sozinha no exterior - Viajei pela primeira vez sozinha para Kilkenny na Irlanda 
  57. Viajar pela estrada sem destino livremente
  58. Ir em um show em outro país
  59. Ir em um show internacional no Brasil - Fui ao show do Pearl Jam em Novembro/2015
  60. Saber apreciar e conhecer um bom vinho
  61. Encontro às cegas 
  62. Viajar a trabalho - Viajei a trabalho para Uberlândia em Fev/13 
  63. Viajar com amigos para fora do estado/país - Fiz muitas viagens desde 10
  64. Fazer uma viagem sem roteiro para algum lugar perto, ir para a rodoviária, escolher o destino e ficar o final de semana ou apenas um dia
  65. Conhecer um país que quase ninguém conhece
  66. Visitar um vulcão 
  67. Visitar castelos
  68. Ir pra Disney - Visitei a Euro Disney em Nov/11
  69. Viajar pra França - Fui a França 3 vezes e a primeira vez em dez/10
  70. Viajar para os USA e dirigir nas estradas dos filmes
  71. Visitar a Times Square
  72. Alcançar um pico muito alto - Trilhei a pedra do sino em fev/15 e pretendo trilhar muitos outros
  73. Fazer um cruzeiro
  74. Viajar de primeira classe
  75. Realizar viagens românticas... sempre!
  76. Acampar - Acampei em Fev/2015 em Terê
  77. Parar de comer carne vermelha - Estou tentandooooo
  78. Parar de tomar refrigerante - Parei em 2015
  79. Visitar um centro budista
  80. Fazer um retiro na Índia
  81. Conhecer outras religiões - Já estou conhecendo
  82. Fazer aulas de Yoga - Fiz apenas uma em Macaé e adorei
  83. Fazer terapias alternativas e trabalhar com isso
  84. Assistir uma ópera no teatro municipal
  85. Ter uma casa na serra e na praia também
  86. Atingir 1 milhão de visitas no Blog Jornada Pela Irlanda
  87. Atingir mil inscritos no Blog Jornada Pela Irlanda
  88. Casar na praia
  89. Ter um filho(a)
  90. Esse é segredo... xxxxxx

Atualizado em 03/01/2017

O que é o cartão Itaú Travel Money?

Itaú Travel Money (VTM) é um cartão pré-pago, recarregável, protegido por senha, que disponibiliza, de maneira prática e segura valores em moeda estrangeira nas viagens internacionais ou para compras em sites do exterior. Disponível em Dólar Americano, libra esterlina ou Euro. O cartão é essencial para quem viaja a trabalho, lazer, estudo ou intercâmbio.
O cartão é aceito em milhões de estabelecimentos, como lojas, restaurantes, hotéis e muitos outros, e também em caixas eletrônicos espalhados por todo o mundo conveniados às redes Cirrus e Plus, podendo incidir tarifa de saque.
Atualmente este produto está disponível para clientes titulares de uma conta-corrente no banco Itaú, com a Conveniência de ter um cartão reserva, com senha e números diferentes, que poderá ser utilizado em caso de perda ou roubo do cartão principal.

Eu fiz o meu através da minha agência na Praça Mauá - Rio de Janeiro. Eu carrego o meu através de transferência bancária da minha conta corrente diretamente para o cartão e libera no mesmo dia, super prático.





Perguntas freqüentes sobre o Cartão:

1) Como faço para carregar ou recarregar meu Cartão?
O seu cartão é recarregável e não é necessário que esteja em suas mãos. Essa é uma das grandes vantagens do cartão, que permite a recarga a distância. Exemplos: para estudantes, funcionários e/ou diretores trabalhando no exterior temporariamente e etc.

2) Quais são os documentos necessários para aquisição do Cartão?
Para o cartão pré pago do Itaú, basta ser correntista e apresentar um documento de identificação.

3) Qual o valor mínimo e máximo que posso ter em meu cartão?

CargasLimites

DólarEuroLibra
Carga mínima
Tanto para carga inicial
como para qualquer recarga
US$ 50€ 30£ 20


Saldo máximo
O saldo disponível no seu cartão não poderá exceder esses limites
US$ 20.000€ 17.000£ 12.000

4) Em casos de perda ou roubo, como devo proceder?
Contate imediatamente a Central de Atendimento nos telefones indicados no kit do cartão que você receberá. 

8) Principais vantagens do VTM em relação ao Cartão de Crédito?
- O cartão pode ser carregado em dólar americano ou euro e suas compras e saques são sempre realizadas na moeda local de onde estiver.
Sem risco de variação cambial contra a alta do dólar.
- Pode ser recarregado quantas vezes quiser, mesmo a distância.
- Não há cobrança de tarifa ou qualquer custo para adquirir o cartão ou efetuar uma compra.
Caso haja saldo na volta ao Brasil, você poderá guardá-lo para uma próxima viagem, resgatá-lo ou ainda adicionar a ele o valor que desejar.

Super recomendo!!

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Max Gehringer: Viver ou Juntar dinheiro?



"Há determinadas mensagens que, de tão interessantes, não precisam nem sequer de comentários.
Li em uma revista um artigo no qual jovens executivos davam receitas simples e práticas para qualquer um ficar rico.
Aprendi, por exemplo, que se tivesse simplesmente deixado de tomar um cafezinho por dia, nos últimos quarenta anos, teria economizado 30 mil reais. Se tivesse deixado de comer uma pizza por mês, 12 mil reais.
E assim por diante. Impressionado, peguei um papel e comecei a fazer contas. Para minha surpresa, descobri que hoje poderia estar milionário.
Bastaria não ter tomado as caipirinhas que tomei, não ter feito muitas das viagens que fiz, não ter comprado algumas das roupas caras que comprei. Principalmente, não ter desperdiçado meu dinheiro em itens supérfluos e descartáveis.
Ao concluir os cálculos, percebi que hoje poderia ter quase 5 milhões de reais na conta bancária. É claro que não tenho esse dinheiro.
Mas, se tivesse, sabe o que esse dinheiro me permitiria fazer? Viajar, comprar roupas caras, me esbaldar em itens supérfluos e descartáveis, comer todas as pizzas que quisesse e tomar cafezinhos à vontade.
Por isso, me sinto muito feliz em ser pobre. Gastei meu dinheiro com prazer e por prazer. 
E recomendo aos jovens e brilhantes executivos que façam a mesma coisa que fiz. 
Caso contrário, chegarão aos 61 anos com uma montanha de dinheiro, mas sem ter vivido a vida. Fecha aspas."

Vai um cafezinho?

Por Max Gehringer

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

14º dia em território estrangeiro - Graduação sanduíche em Portugal!


Prezados leitores, 

Já se passaram quase 9 anos que eu morei em Portugal pela primeira vez. Hoje faz 14 dias que estou em território estrangeiro novamente, fiquei 2 dias Amsterdam e cheguei nos Açores - Portugal - dia 05/02 para cursar um semestre de graduação sanduíche em Portugal.
Ainda não sinto aquela vontade urgente de voltar, mas também não me sinto tão em paz, parece que estou meio lá e meio cá, não tenho amigos aqui ainda e fico boa parte do tempo no whatsapp, vendo séries e filmes ou caminhando pela cidade.
Foi uma escolha minha, mas morar fora tem muitos momentos doces e amargos, afinal é preciso ter muita coragem pra largar o conforto do quarto, o colo e a comidinha da mamãe, a segurança do Pai, a convivência com familiares e amigos e etc. E a mudança mesmo que por um curto período (a princípio), mesmo que pela 3ª ou 4ª vez vai trazer memórias para o resto da minha vida e me mudar para sempre!
Morar fora está entre meus maiores desafios e as melhores decisões que já tomei na vida, pois cada vivência teve sua importância e objetivo, agora estou em um nível diferente e mais profundo, que é me dedicar a área acadêmica numa Universidade estrangeira, que é um sonho que está sendo realizado. Sinto-me muito agradecida à minha família que me ajudou a realizar este sonho!
O que sempre me fascina nesta vida de intercâmbios, são as oportunidades de me conhecer melhor e fazer novas amizades, vivenciar outras culturas, conhecer lugares incríveis que eu jamais conheceria se não tivesse me atirado no mundo, aprender outras línguas, provar pratos típicos, conhecer e ter outros estilos de vida e visões de mundo e agora aprendendo uma nova metodologia de ensino.
Mas nem tudo é um conto de fadas, existem momentos amargos também, como os eventos que eu simplesmente irei perdê-los, muitos deles não vão se repetir jamais, como casamentos, formaturas, nascimentos, batizados e enfim... isso dói muito. 
E sem falar em não ter aquele abraço das melhores amigas num momento difícil, pois tem horas que falar virtualmente não ajuda tanto, nada neste mundo substitui o efeito de uma presença, do calor humano.
Por mais que eu seja Luso Brasileira, serei sempre uma estrangeira, mesmo em Portugal. Não me parece ser tão fácil conseguir atuar na área que eu me formei, talvez a cidade que estou morando não ajude muito neste sentido, enquanto tem 1 vaga aqui, em Lisboa ou Porto tem 20 vagas na minha área. Ontem eu recebi uma ligação de uma empresa americana, pois me candidatei a inúmeras vagas nos sites de emprego daqui, mas fiquei nervosa, não fui bem na entrevista em inglês, fiquei muito chateada, mas fazer o que, preciso estudar mais.
Alguns desentendimentos culturais acabam sendo muito normal por aqui, principalmente pela diferença entre o Português falado no Brasil e em Portugal. 

Segue abaixo meu vídeo contando a experiência de ter sido aceita na Universidade dos Açores:


Embarquem comigo em mais esta jornada!!

domingo, 12 de fevereiro de 2017

O que acontece quando você vive no exterior

Olá pessoal, 

Recomendo sempre uma experiência internacional, vá com a intenção de ficar um tempo e depois, se gostar vai ficando, do contrário, só a vivência, as viagens, as amizades e a maior fluência do inglês ou outros idiomas, já vale a pena demais! 
Mas não vá achando que tudo são flores, a sensação de liberdade e conhecer coisas novas é sensacional, mas essa ida ao exterior ao mesmo tempo que pode ser muito positiva, pode também resultar em perda de tempo profissional, dificuldade em retornar ao mercado na sua volta ao Brasil. 
A dica é: Avalie sempre os prós e contras antes de embarcar e sinta-se feliz com o resultado. 

Compartilho este texto que li no Blog Backing me up, O que acontece quando você vive no exterior

"...O melhor lugar é onde estamos no momento, ou absorvemos de forma positiva ou o lugar vai nos absorver..."


Rita Lee, essa música é a trilha sonora perfeita!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...